15 de set de 2016

Reprise Literária #7 Resenha: Aos 20 e poucos...

Olá leitores, vamos conferir mais uma resenha de um livro incrível?


                       SinopseLaura não difere muito da maioria das mulheres. Aos vinte e poucos anos, vive num apartamento alugado com duas amigas, estuda, trabalha e de vez em quando se vê envolvida com alguns homens complicados. Mas nem sempre é assim e, em alguns momentos, parece que a complicação vem dela ou, ainda, que o mundo todo conspira contra. Mas isso é só de vez em quando...  Na maior parte do tempo, o que acontece mesmo é que Laura se envolve em situações inusitadas e engraçadas, mas consegue sair delas da mesma forma que entra: quase sem querer. Aos 20 e Poucos..., lançado pela Editora NovaTerra, resume a vida de uma mulher solteira que busca afirmação frente à vida adulta e tenta percorrer sua terceira década de vida driblando as dificuldades naturais da idade.A obra marca a chegada de Elaine Fonseca ao mercado e traz uma visão brasileira ao universo feminino tão abordado e retratado por autoras estrangeiras.Elaine Fonseca nasceu em 1983, em Minas Gerais. É formada em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais. Este é seu primeiro romance.


Nascida em Minas Gerais, formada em letras pela UFMG e com gosto literário bastante diverso, Elaine Fonseca é autora de Aos 20 e poucos... (seu primeiro romance).

A obra trás a saga de laura, que aos vinte e poucos anos passa por uma crise existencial. A famosa "crise dos vinte", nunca ouviu falar nela? Bom pra ser sincera, eu também não. É mais natural escutarmos sobre a crise dos 40 (no caso das mulheres), mas 20 é aquela idade que quem não tem quer ter, e quem dela já passou lembra-se com saudades e até pede para voltar no tempo só para reviver a melhor fase de sua vida.
Desta forma até parece ser a melhor fase de todo e qualquer ser humano. Mas para Laura esse encanto e magia passou, foi longe de sua vida. Afinal, seus vinte e poucos anos estão sendo marcado por dilemas, romances mal resolvidos, insatisfação no trabalho, muita bebedeira e ressacas incuráveis, sem falar no corpo e cabelo que não à agradavam muito e por último porém não menos importante um longo e demorado ano sem sexo. Quando nossa protagonista se dá conta de tudo isso, resolve lutar para reverter tal situação. Para isso ela contará com a ajuda de suas amigas que lhe auxiliarão na busca de um homem que realmente valesse apena.
No intervalo entre buscar e encontrar esse cara, tem muitas risadas, encrencas, desilusões, o ex e o "G" (caso mal resolvido). De uma forma romântica sem ser clichê, a autora descreve a intensa crise vivida por Laura, com dilemas tipicamente femininos, não tem como não se identificar com ela e suas decisões insensatas.
Um romance mais feminino, porém permeado com situações e dilemas vividos com o sexo oposto. Sendo assim torna-se uma leitura interessante tanto pra ele quanto para ela.


7 comentários:

  1. Aprendi no curso de psicologia que não existe "crise dos 20", nem "crise dos 30" ou "crise dos 40", existe apenas crise com suas próprias particularidades, mas não vim aqui pra falar sobre isso hahaha. O livro é interessante, e percebe que é mais para o público feminino mesmo, a capa é muito simples o que não chama nenhuma atenção, mas fiquei em dúvida se arrisco em ler ou não.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Poxa acho esse negócio de crise num sei das quantas tudo balela, acredito sim que passamos fases complicadas em nossas vidas e isso independe da idade, pode ser aos doze aos treze, vinte ou setenta, tudo depende de como lidamos conosco mesmo! Achei a capa bem simples e não seria uma opção minha se o visse por aí.

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Gostei da premissa do livro, mas infelizmente ele não me conquistou não, essa coisa de crise dos 20 não desceu sabe, então no momento esse não é o livro para mim não.
    Boa tarde.

    ResponderExcluir
  4. Não sei se leria. Tem uns livros nesse estilo que não gosto, mas outros que acho legal. Sei lá como seria com esse. Só não faz muito meu estilo mesmo, não pego muitos assim.
    Parece bacana pra quem já gosta de coisas do tipo, tem um enredo divertido e situações bem realistas, acho. Deve ser bom de ler quando a gente quer algo mais leve.

    ResponderExcluir
  5. Lucas!
    Não conhecia a autora nem sua obra, entretanto, abordando um tema vivido por nós mulheres nessa faixa etária, acredito que terá um público bem fiel e interessado em ler.
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de SETEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  6. Eu conheço a crise dos vinte aahahahhaha
    O livro para muito simples e bem humorado, duas características que eu sempre admiro num livro. Estou ansiosa para ler!!

    ResponderExcluir
  7. Outro livro que não conhecia, e ainda é nacional! Apesar de não ler tantos romances, me interessei por esse. Ele parece ser bem descontraído, leve e divertido. Com certeza vou ler.

    ResponderExcluir