22 de dez de 2015

Li até a página 100...

E aí jovens leitores como vocês estão?
Hoje é mais um dia de Li até a página 100... Como de costume demorei um pouquinho para iniciar uma nova leitura, mas antes tarde do que nunca não é mesmo? Então vamos deixar de falatório e vamos logo conferir?





PRIMEIRA FRASE DA PÁGINA 100:
Fernanda me ouvia com paciência, mas o Skype não supria o conforto de um colo de verdade.

DO QUE SE TRATA O LIVRO? 
Téo está prestes a completar vinte anos e foi aprovado para o curso de Direito. Não bastasse a euforia em começar a faculdade, ele conhece Davi, um garoto que acabou de chegar ao Rio de Janeiro para ser ator. Os dois se apaixonam, mas como o mundo real costuma ser um pouquinho menos perfeito do que as comédias românticas, quanto mais Téo se aproxima do rapaz, mais descobre que não sabe nada sobre ele.
Além disso, o livro fala sobre a descoberta da sexualidade e retrata os dilemas de seu protagonista para se assumir gay dentro de casa. Como contar aos pais? Será que precisa mesmo? Existe um momento certo para contar? Ou será que todos já sabem? São tantas perguntas! Por que se assumir é tão fácil para todo mundo e tão difícil pro Téo?
“Fake” é o romance de estreia de Felipe Barenco e faz parte da literatura YA – para jovens adultos entre 16 e 24 anos.

O QUE ESTÁ ACHANDO ATÉ AGORA?
A leitura é bastante rápida, com uma linguagem bem interessante de se ler, porém estou demorando um pouco por conta de alguns outros afazeres, mas já estou voltando a pegar o ritmo da leitura.

O QUE ESTÁ ACHANDO DA PERSONAGEM PRINCIPAL?
O personagem principal é um cara bem tímido e bastante decidido no que quer cursar na Faculdade (Letras), porém acaba seguindo o desejo do pai (Ser advogado) e ao mesmo tempo que é decidido nesse quesito, acaba sendo bastante indeciso ao querer contar ou não aos pais que é gay, o que acaba fazendo com que ele se prive um pouco de algumas coisas que deveria fazer na sua idade.

MELHOR QUOTE ATÉ AGORA:
Dizem que conhecemos uma pessoa quando lhe damos poder. Acho que conhecemos mesmo é quando lhe damos uma má notícia. P.22
VAI CONTINUAR LENDO?
Claro que sim!!!

ÚLTIMA FRASE DA PÁGINA:
Quer dormir lá em casa?



7 comentários:

  1. Oooi, Lucas! Bom, já tinha ouvido falar deste livro, mas não sabia o real enredo, sabe? Só tinha visto a capa mesmo. Para quem for ler, que tenham uma ótima leitura, e espero que você também continue tendo uma boa leitura :)
    Beeeijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lucas. Felipe Barenco está se destacando na literatura nacional com Fake, muito elogiado nos últimos tempos. Com propostas mais densas, o livro me interessa bastante, espero sua resenha para mais informações.

    ResponderExcluir
  3. Lucas, nunca li nada sobre este livro antes, mas gostei bastante da capa com um camaleão, o que me sugere vários assuntos, e é verdade. Assuntos como sexualidade e escolhas foram os temas mais chamativos da trama. Quero ler!

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nenhum livro sobre essa temática. Achei esse livro bem interessante, também vai entrar pra minha listinha de livros pra ler em 2016.

    ResponderExcluir
  5. Oi Lucas tudo bom?
    O Klébio do canal Mundo Paralelo, diz que esse livro é muito bom, mas eu não sabia do que se tratava o livro. É um tema interessante e que tira muitas pessoas da casinha. Quem sabe eu o leia em um futuro próximo. Espero a sua resenha.

    Bjux ;)
    http://entrelinhasalways.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas ele parece ser muito bom, fiquei com vontade de ler. O único livro com essa temática foi O Terceiro Travesseiro, mas faz tanto tempo que li que nem lembro muito bem da história.

    ResponderExcluir
  7. Nunca tinha visto falar do livro, vi que é um tema polêmico da atualidade, mas é bom ter pessoas lendo ele para entender e talvez mudar sua opinião.

    ResponderExcluir