11 de ago de 2016

Resenha - Millennium: Os Homens que não amavam as Mulheres

Olá pessoal!
Resenha de hoje é um romance policial? mistério talvez? Bem nãos eu qual realmente é o gênero desse livro, mas o autor Stieg Larsson consegue muito bem deixar o leitor intrigado. o livro é uma publicação da editora Companhia das Letras. 

Sinopse: Os homens que não amavam as mulheres é um enigma a portas fechadas - passa-se na circunvizinhança de uma ilha. Em 1966, Harriet Vanger, jovem herdeira de um império industrial, some sem deixar vestígios. No dia de seu desaparecimento, fechara-se o acesso à ilha onde ela e diversos membros de sua extensa família se encontravam. Desde então, a cada ano, Henrik Vanger, o velho patriarca do clã, recebe uma flor emoldurada - o mesmo presente que Harriet lhe dava, até desaparecer. Ou ser morta. Pois Henrik está convencido de que ela foi assassinada. E que um Vanger a matou.

Quase quarenta anos depois, o industrial contrata o jornalista Mikael Blomkvist para conduzir uma investigação particular. Mikael, que acabara de ser condenado por difamação contra o financista Wennerström, preocupa-se com a crise de credibilidade que atinge sua revista, a Millennium. Henrik lhe oferece proteção
para a Millennium e provas contra Wennerström, se o jornalista consentir em investigar o assassinato de Harriet. Mikael descobre que suas inquirições não são bem-vindas pela família Vanger, e que muitos querem vê-lo pelas costas. De preferência, morto. Com o auxílio de Lisbeth Salander, que conta com uma mente infatigável para a busca de dados - de preferência, os mais sórdidos -, ele logo percebe que a trilha de segredos e perversidades do clã industrial recua até muito antes do desaparecimento ou morte de Harriet. E segue até muito depois... Até um momento presente, desconfortavelmente presente. ' 


“Ela era como uma comichão desconfortável, repulsiva e atraente ao mesmo tempo”.


Antes de ler esse livro eu não tinha lido nada sobre ele, nem resenha e nem mesmo a sinopse. O que me chamou atenção foi a capa e o nome por isso acho que demorei muito para me interessar realmente pelo enredo, até porque o narrador demora um pouco para ir ao ponto, mas conforme eu entrei na história e a trama foi me envolvendo cada vez mais, achei simplesmente incrível como as pontas vão se entrelaçando antes que tudo vire uma única linha, um única história. Este livro é aquele onde o final te deixa muito satisfeito e não te faz pensar em finais alternativos. Vale muito a pena.



“Se fracassar, será a vontade de Deus ou, se não acredita em Deus, do destino”


Boa Leitura :D





15 comentários:

  1. Adoro romances policiais, mas não sei se leria esse livro. Cometi o erro de assistir o filme primeiro; a versão americana. E perdi o encanto pela leitura, sei lá achei o filme meio chato, tenho medo do livro ser assim também

    ResponderExcluir
  2. Quando comeceiv vi o título da resenha até estranhei porque não sabia que era um livro kkkkkk achei que já tinha ouvido falar dele, mas na verdade ouvi falar do filme. Nem imaginava que essa er a sinopse. Me interessei.

    ResponderExcluir
  3. Depois que assisti ao filme fiquei com muita vontade de ler o livro, me arrependo de não ter feito antes, pois agora já sei o mistério que envolve o livro. A personagem Lisbeth parece ser incrível, e a trama é ótima. A capa realmente chama muito a atenção. Gostei dos quotes que você selecionou.

    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  4. Já cheguei a ver um pedaço do filme, que dizem que é muito bom também, mas finalizei, até porque não quis ver sem antes ler o livro! (não sei até que parte as histórias se coincidem). Estou na mesma situação que você... Apesar de ter curiosidade em me aprofundar nessa história, tenho que admitir que tenho uma certa preguicinha... Sua resenha me motivou a finalmente ler esse livro! rs

    ResponderExcluir
  5. Nossa, sempre quis ler esse livro.
    A capa, nome e sinopse me chamaram atenção de primeiras, mas por ser um livro grande e eu não ter muito tempo para ler, tive que devolver ele na biblioteca depois de um tempo.
    Agora o plano é comprar ou pegar emprestado com alguém para finalmente terminar. =D

    ResponderExcluir
  6. ò título inicialmente me deixava pensar que se tratava de ais um livro tipo chick-lit de romancezinho cheio de aventuras e desencontros, misturado ao jovem amor adolescente e aos adultos cheios de dores e casamentos desfeitos. Daí leio essa resenha e fico: como assim? O livro é muito mais do que eu imaginei e fiquei curiosa para saber mais, apesar de que o título me desgradou tanto quanto a capa!

    ResponderExcluir
  7. Oiee@
    Não costumo ler romances policiais não, mas por falta de oportunidade mesmo, a minha turma de leitores é mais da vibe romance/época/hot. Então fico meio sem ter com quem falar sobre esse tipo de leitura.
    O livro parece ser bom, a única coisa que me incomodou é o fato de ser uma série, claro que o lado bom é que livro bom nunca é demais, porém estou correndo de séries.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  8. Eu vi o tal filme que fizeram e quando saiu quis ler os livros. Mas consegui? Não ¬¬
    É bem legal de qualquer forma. O livro tem uma fórmula muito boa com essas conexões que vão aparecendo e acho que o jeito como é contado só te faz querer saber onde a história vai chegar. É bom de ler pelo jeito e queria ver se algum dia pegava.

    ResponderExcluir
  9. Amo romances policiais, quando eu ouvi falar desse livro fiquei super curiosa, mas até hoje não havia lido a sinopse. Tá na lista!

    ResponderExcluir
  10. Confesso que romance policial não é bem o tipo de livro que eu costumo ler, gostei bastante da resenha mais no momento não tenho interesse no livro.

    ResponderExcluir
  11. Oi Joyce, tudo bem? Não tenho interesse no gênero e eu acho que nunca li um livro onde eu não tenha pensado em algum final alternativo.. hahaha É bem difícil manter minha imaginação quieta. Bj

    ResponderExcluir
  12. Gosto muito de romances policiais e já tinha ouvido falar no livro. Inclusive já tinha visto em uma loja aqui na minha cidade em promoção e apesar da capa ter me atraído não quis levar..
    Se encontrar de novo não vou deixar passar dessa vez!

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Vejo muitos comentários positivos sobre o livro do Stieg Larsson que me deixou bem curiosa para ler, parece ser um livro bem escrito e que surpreende o leitor e por temos um final que agrade fiquei bem interessada nesse livro pois raramente gosto dos finais !!

    ResponderExcluir
  15. O autor era excelente, uma pena que faleceu antes de terminar o último livro, é um dos clássicos atuais, a narrativa um pouco mais lenta é uma características da escola literária que vem o autor, mas isso só serve para empolgar mais quando as coisas começam a acontecer, só falta ler o livro mais recente lançado que foi terminado por outro autor, os filmes também são muitos bons!

    ResponderExcluir