20 de ago de 2015

Resenha - Fragmentados

Olá meus jovens leitores, tudo bem? Hoje é dia de resenha, e o que já posso adiantar que o livro que será resenhado é muito, mas muitoooo bom mesmo. Vamos conferir?


Sinopse:Em uma sociedade em que os jovens rejeitados são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, três fugitivos lutam contra o sistema que os fragmentaria .Unidos pelo acaso e pelo desespero, esses improváveis companheiros fazem uma alucinante viagem pelo país, conscientes de que suas vidas estão em jogo. Se conseguirem sobreviver até completarem 18 anos, estarão salvos. No entanto, quando cada parte de seus corpos desde as mãos até o coração é caçada por um mundo ensandecido, 18 anos parece muito, muito longe.O vencedor do Boston Globe-Horn Book Award, Neal Shusterman, desafia as ideias dos leitores sobre a vida: não apenas sobre onde ela começa e termina, mas sobre o que realmente significa estar vivo.


RESENHA:

AVISO: NADA DO QUE FOR DITO NESSA RESENHA, SERÁ PARECIDO OU SEMELHANTE COM A SENSAÇÃO QUE SENTI AO TERMINAR DE LER ESSE LIVRO.

O livro conta a história de garotos que estão prestes a ir para a fragmentação que é um local onde as crianças que são rejeitadas pelos país são levadas e são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, com a condição de que na prática não "morram" de verdade, esse "não morrer de verdade" se trata de seus orgãos serem doados para pessoas que precisem de verdade de algum desses órgãos, ao invés dos médicos fazerem o tradicional que é curar ou tratar daquela doença eles apenas substituem o que não presta por algo perfeito de um fragmentado (DEPENDENDO DE QUANTO PODEM PAGAR), Connor e Risa foram destinados a essa prática por escolha dos pais (no caso de Connor) e por escolha da Casa estadual que é onde as crianças abandonadas pelos pais ficam (no caso de Risa) enquanto Lev é destinado por conta de sua religião, que seus pais o ofereceram como oferta do dízimo, os três garotos são desconhecidos um com o outro até que um encontro inesperado junta-os, a partir os 3 garotos precisam lutar contra a fragmentação, ou então não lutar tanto assim como é o caso de Lev.

Juntos os três tem que fazer de tudo para fugir do campo de colheita, Lev é o único dos 3 que não é a tão favor de fugir do que lhe foi imposto, devido ao fato de ser destinado a isso por sua religião, e acaba traindo a confiança de Connor e Risa e acaba seguindo um rumo diferente dos outros dois.

O livro é do tipo que você ACHA, isso mesmo você ACHA que será previsível a partir do meio do livro, mas assim como eu vocês quebram a cara e bem quebrada mesmo como eu quebrei, e bem quebrada mesmo, o autor consegue deixar você sem reação nenhuma, a juliana desmaia, os forninhos caem, tudo acontece e você fica sem saber mais de nada. 

O mais legal de tudo é que o livro é narrado na terceira pessoa, só que tem um diferencial, em cada capítulo ele é direcionado para um dos personagens do livro, tanto os principais como outros que vão aparecendo ao logo da história e que vão deixando a história com ainda mais suspense.

Ao ler você consegue amar de tal forma os personagens principais como Connor e Risa, amar  e odiar Lev, e odiar completamente Roland, mas odiar completamente mesmo, ele consegue ser o tipo de vilão que é insuportável ideal para colocar mais emoção no que o autor quer nos passar.

Quando eu digo que tudo muda é sério, não estou mentindo, aquilo que você já estava achando que seria o vilão de tudo acaba te deixando sem saber de verdade se ele é realmente vilão ou não, e você só descobre no fim do livro que é onde o autor consegue ligar todos os pontos que ele cita no começo do livro, e realmente sua ficha cai, e percebe como as coisas estão fazendo sentido, e é por isso que esse livro é fantástico, até hoje não vi uma pessoa sequer que tenha lido e que não tenha gostado desse livro, e se tiver, vamos sentar e conversar porque deve ter alguma coisa errada aí não é mesmo?

A leitura foi a minha primeira distopia e eu simplesmente amei, rezando para a Novo Conceito publicar os outros livros da série o mais breve possível, eu estou aqui sem saber mais o que falar e por mais que eu fale, fale e continue falando ainda não será o suficiente para vocês sentirem um pouco da perfeição que é esse livro e qualquer dúvida é só me chamar em alguma das nossas redes sociais que será o maior prazer falar um pouco mais desse livro com vocês!!!

Fragmentados leva o leitor a uma realidade futurista impressionante. Uma leitura que te faz experimentar os mais variados sentimentos existentes.
Blog Letícia Iarossi

ASSISTA AO BOOKTRAILLER:






Para participar do Top Comentarista desse mês é necessário se inscrever nesse link para poder receber os marcadores, caso não esteja inscrito não será possível o envio!

11 comentários:

  1. Bom dia!
    Nossa, esse livro parece ser simplesmente fodástico 'rs
    A sinopse dele me chamou muita atenção, e sua resenha, que foi ótima, me despertou ainda mais o desejo de ter esse exemplar na minha estante e poder apreciá-lo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Estou ouvindo muito falar nesse livro e estou ansiosa pela leitura. Só de saber que é uma distopia já me chamou muita atenção. Depois de você dizer que esse livro deixa a Juliana desmaiada e faz os forninhos cairem, me fez querer ler mais ainda. Muito boa a resenha e espero ter uma sensação tão boa quanto você teve. Booktrailler incrível.
    Bjs

    20 de

    ResponderExcluir
  4. Muitos blogs vêm comentando sobre esse livro e, por conta disso, o livro acabou me interessando. Além de eu ter adorado a capa, por ter esse aspecto sombrio, a história aparenta ser incrível. Eu adoro histórias que contém mistérios, e esse livro parece ser ideal para mim!

    ResponderExcluir
  5. Tenho ouvido falar muito bem desse livro e já havia me interessado por ele, agora mais depois que li essa resenha, muito bem feita. Me deixou muito mais curiosa por essq história. E com isso já o coloquei na minha wish list.

    ResponderExcluir
  6. Olá, que bom que você gostou do livro, adorei a resenha, aconselho a você que leia mais livros distopicos, eu amo, eles sempre me deixam eufóricos, são um dos meus "tipos de livros" preferidos. Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Oi, ameeeei a resenha, ela só aumentou minha curiosidade de ler esse livro. Achei bem interessante também você ter colocado o vídeo para nós, parabéns.

    ResponderExcluir
  8. Oi Lucas
    Eu estou mega curiosa para ler esse livro de tanto que falam. Vejo que você sentiu a mesma sensação que todos sentem ao terminar o livro. Depois desse booktrailer aí impossível não querer ler. Você me deixou mais curiosa ainda..rs

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Amoooo booktrailler, achei super interessante e já até imaginei uma adaptação até por que amo livros que te fazem achar uma coisa e depois mudam totalmente sua opinião.

    ResponderExcluir
  10. Já estou de olho nesse livro já faz um tempo, não sou muito fan de distopia mas essa parece ser totalmente diferente e inovadora, e não aquela coisa repetitiva, e isso foi o que mais me chamou a atenção, pretendo ler com certeza esse livro.

    ResponderExcluir
  11. Meu Deusssss que incrível, nunca tinha ouvido falar desse livro e uau
    Esse livro aparenta ser confuso mas aposto que se for, no decorrer da história ele vai deixar as coisas mais claras.
    Sem comentarios com sua resenha que me deixou intrigadissma! Já esta na minha lista

    ResponderExcluir