6 de out de 2016

Reprise Literária #10 Resenha Seis Anos Depois

Olá pessoal! Tudo bem com vocês? 
Bom, depois de muitooo tempo estou de volta, e trouxe pra vocês a resenha de um livro que incrível, de um autor incrível (que eu particularmente sou fã) Harlan Coben. O livro se chama “Seis Anos Depois”. Vamos conferir?

Sinopse: Jake Fisher e Natalie Avery se conheceram no verão. Eles estavam em retiros diferentes, porém próximos um do outro. O dele era para escritores; o dela, para artistas. Eles se apaixonaram e, juntos, viveram os melhores meses de suas vidas. E foi por isso que Jake não entendeu quando Natalie decidiu romper com ele e se casar com Todd, um ex-namorado. No dia do casamento, ela pediu a Jake que os deixasse em paz e nunca mais voltasse a procurá-la. Jake tentou esconder seu coração partido dedicando-se integralmente à carreira de professor universitário e assim manteve sua promessa... durante seis anos. Ao ver o obituário de Todd, Jake não resiste e resolve se reaproximar de Natalie. No enterro, em vez de sua amada, encontra uma viúva diferente e logo descobre que o casamento de Natalie e Todd não passou de uma farsa. Agora ele está decidido a ir atrás dela, esteja onde estiver, mas não imagina os perigos que envolvem procurar uma pessoa que não quer ser encontrada. Em Seis Anos Depois, Harlan Coben usa todo o seu talento para criar uma trama sensacional sobre um amor perdido e os segredos que ele esconde.

A história começa com Jake Fisher contando como conheceu o amor da sua vida em um verão que marcou e mudou a sua vida para sempre. Enquanto ele estava em um retiro para escritores, Natalie Avery estava em um para artistas, muito próximo do retiro do Jake, e foi em uma exposição em que eles se conheceram. Após um verão intenso, com um amor sem limites, Natalie rompe o relacionamento, alegando que se casará com seu ex-namorado. Jake, não conformado com o fim, decide ir ao casamento e vê seu amor casar do Todd Sanderson.

“Sentei-me no último banco da igreja e fiquei assistindo à única mulher que amaria na vida se casar com outro homem.”

Após casar-se, Natalie faz um pedido para Jake: que ele nunca mais a procure. E ele cumpre a promessa... por seis anos.
Jake é mais um dos maravilhosos personagens sarcásticos do Coben, que conquistaram meu coração. Durante os seis anos em que cumpria a promessa que fez a Natalie, Jake não conseguiu se envolver seriamente com nenhuma mulher, pois mesmo sabendo que poderia nunca mais vê-la, seu amor à ex-namorada nunca morreu. Ele vive dedicado a seu trabalho de professor universitário e é conformado com sua vida mais ou menos, apesar de lembrar de Natalie todos os dias.
Em uma tarde, enquanto atende alunos na sua sala, Jake lê o sobre a morte de um ex-aluno da universidade, chamado Todd Sanderson, e é aí que ele decide procurar pela amada. Mal sabe ele que ninguém tem notícias dela faz seis anos e que encontrar ela não será fácil e muito menos seguro. Enquanto tenta encontrar alguém que não quer ser encontrada, Jake se mete em perigos onde a própria vida é colocada em risco, além de não escutar os conselhos e pedidos do melhor amigo Benedict, mas nada mais parece ser importante, nem seus amigos, nem sua vida, nem seu trabalho... Nada, a não ser achar Natalie.
Com uma narrativa fácil e fluida, a história de Seis Anos Depois começa a se desenvolver atiçando a curiosidade do leitor pelas muitas perguntas estabelecidas logo no início da história. Essas, contudo, ao invés de serem respondidas, vão originando uma infinidade de outras ao passo que pistas começam a ser deixadas pouco a pouco ao leitor, que só consegue juntar todas as peças desse intricado quebra cabeça ao final do enredo (que com toda a certeza, não poderia ser melhor).


Só mais uma coisa: VOCÊS PRECISAM LER ESSE LIVRO, SÉRIO!



Bom, é isso! Espero que tenham gostado e até a próxima. Beijos ^^

5 comentários:

  1. Ele é mesmo um autor e tanto e seus livros merecem serem lidos. A sinopse é incrível e te deixa querendo saber mais, como o que levou a personagem a agir de tal forma.
    Imagino que o livro seja maravilhoso, percebi isso pela sua resenha. Instigante e misterioso, uma dupla infalível kkk
    Boa noite!

    ResponderExcluir
  2. Quando vi que você estava lendo ele, fiquei chateada achando que você ia ter outra decepção com o Coben, assim como eu, mas fico feliz que você tenha gostado! Eu achei o livro bom, mas com certeza não tive aquela ‘surpresa’ que os livros do Coben geralmente me proporciona :/ A capa com certeza é muito bonita

    ResponderExcluir
  3. Lucas! Tenho esse livro aqui para leitura, mas nem sabia quando iria fazê-la... Lendo sua resenha, fiquei com a maior vontade de ler logo esse mês.
    Adoro o autor.
    “Buscamos, no outro, não a sabedoria do conselho, mas o silêncio da escuta; não a solidez do músculo, mas o colo que acolhe.” (Rubem Alves)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. Também sou super fã de Harlan Coben, que é meu autor favorito! Já li o livro e amei. Como sempre Harlan consegue prender nossa atenção e nos deixar cada vez mais curiosos ao longo das páginas. Claro que esse não foi o melhor livro do autor, mas também foi ótimo!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que livro interessante! Gostei muito da proposta dele, principalmente pelo personagem indo atrás de alguém que ama, imagino que deva ter bastante drama (o que eu amo). Espero que a história tenha sido bem desenvolvida.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir